Aprenda a cadastrar o celular para recuperá-lo em caso de roubo

Infelizmente, algumas precauções ainda precisam ser tomadas para sair por aí com o celular e evitar furto, roubo ou assalto. Na verdade, não dá bem para evitar a violência urbana sozinho, só escondendo ou com seguro nos aparelhos. Mas, é possível cadastrar o IMEI do smartphone para reavê-lo caso algo do tipo aconteça.

Esse tipo de programa existe através de algumas secretarias de segurança dos estados brasileiros. Em Pernambuco, por exemplo, 2.431 celulares roubados foram devolvidos aos donos em um mutirão do Alerta Celular realizado nesta quarta-feira (27), de 6 mil aparelhos roubados ou furtados no estado durante os três primeiros meses.

Leia mais:

O cadastro para recuperar o celular em caso de roubo reduziu também o comércio de smartphones roubados. Isso porque quem for encontrado com um telefone adquirido de maneira ilícita é autuado pelo crime de receptação, graças ao programa.

Mas, o número ainda é baixo. Entre os pernambucanos, por exemplo, são 9 milhões de aparelhos funcionando e apenas 600 mil cadastrados no programa de rastreio. Outros estados fazem o mesmo, como a Bahia e o Pará. Por isso, é importante buscar a Secretaria de Segurança do seu estado para saber se é possível realizar o cadastro.

Em São Paulo, cerca de 30% dos crimes de roubo e furto têm smartphones como alvo. O IMEI, número de cada aparelho celular (há modelos com mais de um código), é registrado apenas no boletim de ocorrência e dá para bloquear também na operadora. Então, é importante saber o código.

Assim, antes de cadastrar como precaução ou mesmo anotar em algum lugar, é preciso saber como descobrir o IMEI. É possível encontrá-lo na caixa ou nota fiscal do telefone. Caso não tenha mais nada disso, digite no teclado do smartphone *#06#. O código de 15 dígitos aparecerá na tela.

Abaixo, o Olhar Digital ensina como se cadastrar para recuperar o celular em caso de roubo no Alerta Celular.

Como cadastrar o IMEI para recuperar o celular:

  1. Acesse o Alerta Celular, da Secretaria de Defesa Social (SDS), em Pernambuco. Na Bahia, por exemplo, o site é o da Secretaria de Segurança Pública. Há ainda o site do Pará.
  2. Clique em “Cadastrar”.
Imagem: Reprodução

3. A página seguinte vai pedir uma série de dados, como nome completo, nome dos pais, documentos de identificação, e-mail e contatos de pessoas próximas. Preencha e valide o captcha.

Imagem: Reprodução

4. Depois do cadastro realizado, é só esperar a confirmação no e-mail informado. Um link para criar uma senha é enviado. Em seguida, clique em “Alerta Celular”.

Imagem: Reprodução

5. Faça o login com o e-mail e senha cadastrados. Agora, você vai cadastrar o aparelho.

Imagem: Reprodução

Pronto! Agora você já sabe como fazer para recuperar o celular em caso de roubo. É importante destacar que os programas só funcionam quando a vítima registra um Boletim de Ocorrência (BO) em delegacias físicas ou através dos sites das secretarias.

Com informações do G1

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Aprenda a cadastrar o celular para recuperá-lo em caso de roubo apareceu primeiro em Olhar Digital.

Desenvolvido por Direto na Web