Bancos da Bielorrússia também podem ser excluídos do Swift

A União Europeia já solicitou a exclusão de sete bancos da Rússia da Sociedade de Telecomunicações Financeiras Interbancárias Mundiais (Swift, na sigla em inglês) e agora pode pedir também a de instituições financeiras da Bielorrússia. Isso porque o país apoia o presidente russo Vladimir Putin na invasão à Ucrânia.

Uma autoridade do bloco econômico do Velho Continente revelou que a União Europeia considera a exclusão dos bielorrussos do Swift nesta quinta-feira (3). O sistema foi fundado em 1973, por 239 bancos de 15 países e hoje conta com 11 mil membros.

Leia mais:

“Do lado do Swift, também estamos olhando agora para a preparação dos equivalentes para o setor financeiro da Bielorrússia, mas sabendo que o Swift não é tão estrategicamente importante na economia da Bielorrússia quanto no lado russo”, disse o funcionário da União Europeia, em entrevista à agência internacional de notícias Reuters.

VTB Bank está fora do Swift
O VTB Bank, maior banco da Rússia, está fora do Swift. Imagem: Stanley Kalvan/Shutterstock

Os sete bancos da Rússia já fora do sistema são o VTB, maior banco da Rússia, Bank Otrkitie, Novikombank, Promsvyazbank, Bank Rossiya, Sovcombank e VEB. Sberbank e Gazprombank não foram incluídos na lista. Eles são os canais de pagamento de petróleo e gás russo comprados pelos países da União Europeia, pois não é possível permitir apenas as transações relacionadas à energia e excluir as outras, já que o sistema não consegue diferenciar os tipos de pagamento.

O objetivo do Swift, ao ser fundado, era criar um canal de comunicação global entre as instituições, bem como padronizar as transações financeiras internacionais. Atualmente, instituições financeiras de 200 países usam o sistema. Cada banco possui o seu próprio código Swift, feito de uma combinação de 8 a 11 caracteres. Saiba o que é o Swift aqui.

Via: Reuters

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Bancos da Bielorrússia também podem ser excluídos do Swift apareceu primeiro em Olhar Digital.

Desenvolvido por Direto na Web