Bolsas caem forte e brent supera US$ 125 com EUA e Europa considerando banir petróleo russo: os destaques do mercado hoje

Os índices futuros americanos e as ações europeias operam em forte queda na manhã desta segunda-feira (7), após notícias de que os EUA e aliados europeus estão considerando uma proibição das importações de petróleo russo. Isso levou a uma nova sessão de disparada da commodity.

O secretário de Estado, Antony Blinken, disse no domingo que os EUA e seus aliados estão considerando proibir as importações russas de petróleo e gás natural em resposta ao ataque do país à Ucrânia.

A presidente Nancy Pelosi também disse em uma carta a colegas democratas que a Câmara dos Deputados dos EUA está “explorando uma legislação forte” para proibir a importação de petróleo russo – uma medida que “isolaria ainda mais a Rússia da economia global”.

A medida pode representar um risco de estagflação – um período de crescimento econômico lento e alto desemprego, juntamente com alta inflação – para a economia global.

Os preços do petróleo atingiram seu nível mais alto desde 2008 em resposta às notícias, antes de reduzir ligeiramente os ganhos. O petróleo Brent sobe mais de 8%, enquanto o WTI avança 7,5%.

A Rússia continuou a intensificar seu ataque à vizinha Ucrânia nos últimos dias, com forças tentando avançar e isolar a capital de Kiev e outras grandes cidades enquanto enfrentavam uma feroz resistência ucraniana.

As potências ocidentais já impuseram um conjunto de sanções econômicas punitivas em uma tentativa de isolar a Rússia da economia global, mas o Kremlin continuou sua invasão e o presidente ucraniano Volodymyr Zelenskyy instou a OTAN a implementar uma zona de exclusão aérea na Ucrânia, ainda não disponível.

Rússia e Ucrânia devem realizar nesta segunda-feira uma terceira rodada de negociações, mas sem esperanças de um cessar-fogo, depois de Putin não ter respeitado o último acordo para abrir corredores humanitários e permitir a saída de civis das zonas de combate.

Por aqui, o forte avanço do petróleo pode fortalecer os planos do governo para lançar um programa de subsídio aos combustíveis, com validade de três a seis meses. Dois projetos de lei que buscam alternativas para reduzir os preços da gasolina e do óleo diesel nas bombas estão pautados para serem votados na quarta-feira (9) pelo Senado Federal.

Após uma desacelerada por conta do carnaval, a safra de balanços é retomada com força total nesta semana, com destaque para resultados de Embraer, Gol, CSN, entre outras.

1. Bolsas Mundiais

Estados Unidos

Os índices futuros dos EUA recuam nesta manhã de segunda-feira (7), com o preço do petróleo nos EUA saltando momentaneamente para seu nível mais alto desde 2008, em meio à guerra em andamento entre a Rússia e a Ucrânia.

Veja o desempenho dos mercados futuros:

  • Dow Jones Futuro (EUA), -1,69%
  • S&P 500 Futuro (EUA), -1,76%
  • Nasdaq Futuro (EUA), -1,75%

Ásia

Os mercados asiáticos fecharam com fortes perdas repercutindo a alta dos preços do petróleo, com a guerra Rússia-Ucrânia em andamento continuando a pesar sobre o sentimento dos investidores em todo o mundo.

O índice Hang Seng em Hong Kong liderou as perdas regionalmente, caindo mais de 4% em um ponto antes de ver uma ligeira recuperação.

Na agenda econômica, as exportações da China aumentaram 16,3% ano a ano em termos denominados em dólares no período de janeiro a fevereiro, mostraram dados oficiais divulgados na segunda-feira. Isso ficou acima das expectativas de analistas em uma pesquisa da Reuters para um aumento de 15%.

A China também anunciou no sábado uma meta de crescimento do produto interno bruto de cerca de 5,5% para 2022.

  • Shanghai SE (China), -2,17%
  • Nikkei (Japão), -2,94%
  • Hang Seng Index (Hong Kong), -3,87%
  • Kospi (Coreia do Sul), -2,29%

Europa

Os mercados europeus operam em forte queda após notícias de que os EUA e aliados europeus estão considerando uma proibição das importações de petróleo russo, representando um risco de “estagflação” global.

  • FTSE 100 (Reino Unido), -2,33%
  • DAX (Alemanha), -4,62%
  • CAC 40 (França), -3,57%
  • FTSE MIB (Itália), -5,70%

Commodities

O preço do petróleo bruto dos EUA atingiu brevemente US$ 130 o barril, maior alta em 13 anos em uma possível proibição ocidental do petróleo russo.

Os EUA e seus aliados estão considerando proibir as importações russas de petróleo e gás natural, disse o secretário de Estado Antony Blinken em entrevista à CNN no domingo.

  • Petróleo WTI, +8,57%, a US$ 124,25 o barril
  • Petróleo Brent, +8,08%, a US$ 127,65 o barril
  • Minério de ferro negociado na bolsa de Dalian teve alta de 7,08%, a 870,00 iuanes, o equivalente a US$ 137,68

Bitcoin

  • Bitcoin, -2,80% a US$ 38.101,82 (em relação à cotação de 24 horas atrás)

2. Agenda

A segunda semana de março começa com os investidores atentos às mesmas tensões que marcaram o início do mês. A agenda de indicadores ganha ritmo em meio à guerra da Rússia com a Ucrânia, que tem impactado, sobretudo, os preços das matérias-primas e empresas relacionadas às commodities.

Por aqui, em meio a esse cenário, começam a sair os indicadores econômicos referentes a 2022. Na quarta-feira (9), às 9h o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulga a produção industrial do último mês de janeiro. O consenso Refinitiv de mercado aponta para uma retração de 1,8% em relação a dezembro e uma queda de 6,1% comparando com janeiro de 2021.

Na terça-feira (8) tem a divulgação dos dados de produção e vendas de veículos pela Anfavea, a Associação Nacional de Fabricantes de Veículos Automotores.

Em relação aos preços dos combustíveis, dois projetos de lei que buscam alternativas para reduzir os preços da gasolina e do óleo diesel nas bombas estão pautados para serem votados na quarta-feira (9) pelo Senado Federal.

A semana termina com a divulgação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) referente a fevereiro. O consenso Refinitiv aponta para um avanço mensal de 0,96%, o que elevaria o IPCA de 12 meses para 10,50%.

Brasil

8h25: Banco Central divulga Boletim Focus, com a expectativa de analistas sobre indicadores como inflação, juros e PIB

10h: PMI Composto de fevereiro

10h: PMI do setor de serviços de março

EUA

17h: Crédito ao consumidor de janeiro

3. Governo avalia medidas para conter alta dos combustíveis

O governo do presidente Bolsonaro está decidido a evitar novas altas da gasolina e do diesel no país, devido a temores sobre as consequências eleitorais do efeito inflacionário da alta dos combustíveis para Bolsonaro, candidato à reeleição.

As alternativas variam desde uma mudança no cálculo de cobrança do ICMS por meio de projeto de lei; a criação de um fundo (com dividendos da Petrobras e receitas do pré-sal pertencentes à União) e mudanças na precificação dos combustíveis pela estatal.

Lira prorroga sistema de votações remotas

Mesmo com a redução no número de casos de covid-19 e do afrouxamento das medidas de isolamento social, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), prorrogou no último sábado por tempo indeterminado o funcionamento do sistema remoto de votações.

Veto a Refis das microempresas pode ser votado na próxima semana

O Congresso pode analisar no próximo dia 16 o veto do presidente Bolsonaro ao projeto de lei complementar que cria um programa de refinanciamento de dívidas tributárias para micro e pequenas empresas chamado Programa de Reescalonamento do Pagamento de Débitos no Âmbito do Simples Nacional (Relp), também chamado de “Refis”, segundo reportagem do jornal Valor.

As dívidas somam R$ 20 bilhões e a data da votação ainda está em negociação. Acontecerá na próxima semana caso as propostas que visam a contenção da alta dos combustíveis forem votadas nesta semana.

4. Covid

No último domingo (6), o Brasil registrou 219 mortes e 15.810 casos de covid-19 em 24h, segundo informações do consórcio de veículos de imprensa, às 20h. A média móvel de mortes por Covid em 7 dias no Brasil ficou em 430, recuo de 48% em comparação com o patamar de 14 dias antes.

A média móvel de novos casos em sete dias foi de 40.161, o que representa queda de 60% em relação ao patamar de 14 dias antes.

Chegou a 155.757.233 de pessoas totalmente imunizadas contra a Covid no Brasil, o equivalente a 72,5% da população.

O número de pessoas que tomaram ao menos a primeira dose de vacinas atingiu 173.038.399 pessoas, o que representa 80,55% da população.

A dose de reforço foi aplicada em 66.074.186 pessoas, ou 30,76% da população.

5. Radar Corporativo

Vamos (VAMO3)

A Vamos (VAMO3) assinou contrato para aquisição de participação de 70% na Truckvan Indústria.

O contrato prevê um aporte de R$ 30 milhões,a ser realizado na data de fechamento, e uma aquisição secundária de R$ 54 milhões, feito parte à vista e parte parcelado, que resultará em uma participação indireta de 70% da VAMOS, através da Vamos Seminovos, na Truckvan. Com isso, a avaliação de 100% da Truckvan corresponde a R$ 90 milhões.

Petrobras (PETR3;PETR4)

O governo indicou o nome de Rodolfo Landim, atual presidente do Flamengo, para presidir o Conselho de Administração da Petrobras. O anúncio foi feito neste sábado (5) à noite, por meio de fato relevante enviado pela estatal à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

“A Petróleo Brasileiro S.A. – Petrobras informa que recebeu ofício do Ministério de Minas e Energia com oito indicações para o Conselho de Administração e quatro indicações para o Conselho Fiscal da Companhia, e ofício da Secretaria do Tesouro Nacional do Ministério da Economia com duas indicações para o Conselho Fiscal da Companhia, para deliberação na Assembleia Geral Ordinária de 13 de abril de 2022”, informou a estatal.

A Petrobras ainda informou que assinou com a CNOOC Petroleum Brasil contrato para cessão de 5% de participação no Contrato de Partilha de Produção do Volume Excedente da Cessão Onerosa, para o campo de Búzios, no pré-sal da Bacia de Santos.

O montante envolvido na negociação referente à participação da petroleira brasileira é de R$ 2,12 bilhões. O valor foi calculado com base na data de 1 de setembro do ano passado, com o câmbio a R$ 5,07 por US$ 1.

Após aprovação dos órgãos competentes, a petroleira brasileira passará a deter 85% de participação no campo, enquanto a CNOOC Petroleum Brasil passará a ter 10%. A outra sócia é a CNODC Brasil Petróleo e Gás, que tem 5%.

BRF (BRFS3)

A BRF (BRFS3) informou que não foi notificada oficialmente da suspensão das exportações, pela China, de carne de frango de sua unidade localizada em Lucas do Rio Verde (MT).

Em fato relevante, a companhia disse que ficou sabendo da informação pelo site da Administração Geral de Alfândegas da China (GACC, na sigla em inglês) e diz que tomará as medidas cabíveis e trabalhará para reverter a situação, ressaltando que possui rigorosos processos de segurança de alimentos e controles de qualidade.

Eletrobras (ELET3; ELET6)

A Eletrobras (ELET3; ELET6) informou que destinará a sua subsidiária Eletronuclear a cifra de R$ 6,5 bilhões para serem destinados à aquisição de combustível nuclear para as usinas nucleares de Angra 1 e Angra 2. O combustível será fornecido pela Indústrias Nucleares do Brasil (INB).

(Com Estadão Conteúdo e Agência Brasil)

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

The post Bolsas caem forte e brent supera US$ 125 com EUA e Europa considerando banir petróleo russo: os destaques do mercado hoje appeared first on InfoMoney.

Desenvolvido por Direto na Web