Covid-19: vacinas causam efeitos colaterais leves e não têm ligação com mortes

Uma pesquisa de larga escala realizada pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) mostrou que 92% das pessoas que relataram efeitos colaterais das vacinas da Pfizer e da Moderna, tiveram sintomas leves, como dores de cabeça, fadiga, febre e calafrios.

De acordo com o estudo, em torno de 4.500 pessoas morreram após tomarem as vacinas, porém, não foram detectados padrões que possam sugerir que as mortes tenham ligação com as vacinas. De acordo com os autores dos estudos, “é reconfortante” que as vacinas ocasionam apenas efeitos colaterais leves.

Efeitos colaterais leves e curtos

De acordo com o autor principal do estudo, Tom Shimabukuro, além de leves, os efeitos colaterais das vacinas costumam ser de curta duração, desaparecendo depois de um ou dois dias. De acordo com o pesquisador, esses dados confirmam relatórios de ensaios clínicos preliminares.

Para chegar aos resultados, os pesquisadores analisaram os efeitos adversos de quase 300 milhões de doses de vacinas aplicadas nos Estados Unidos entre dezembro de 2020 e junho de 2021. Estes efeitos colaterais foram relatados por profissionais de saúde e pelas próprias empresas farmacêuticas.

Leia mais:

Os relatos de profissionais de saúde e das farmacêuticas foram compilados no Sistema de Comunicação de Eventos Adversos das Vacinas (Vaers). O sistema é administrado pelos CDCs e também pela Administração para Drogas e Alimentos (FDA), que é como uma Anvisa dos EUA.

Efeito colateral grave é a falta de ar

Pode tomar antitérmico depois da vacina
Um dos efeitos colaterais mais registrados pelos pesquisadores foi a febre. Imagem: Pormezz / Shutterstock

Existe também um segundo método chamado V-safe, que permite que as pessoas que receberam as vacinas possam preencher uma pesquisa em seus smartphones até meses após receberem as vacinas. Os sistemas de aferição de efeitos colaterais dependem de relatos de pessoas envolvidas na vacinação.

Segundo os dados do Vaers, foram recebidas mais de 340 mil notificações de eventos adversos após a vacinação, com 92% sendo registrados como “leves”. Entre os 8% dos eventos considerados “graves”, o mais comum foi a falta de ar.

Via: BBC Brasil

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Covid-19: vacinas causam efeitos colaterais leves e não têm ligação com mortes apareceu primeiro em Olhar Digital.

Desenvolvido por Direto na Web