Criadores de conteúdo devem desembolsar mais dinheiro para hospedar vídeos no Vimeo

Conhecida como uma ótima alternativa para criadores de conteúdo hospedarem seus vídeos de maneira segura, o Vimeo também é muito popular entre os usuários que buscam vídeos com maior qualidade de edição, por exemplo.

O Vimeo também é muito utilizado por usuários do Patreon, serviço de financiamento coletivo onde os criadores podem gerenciar espécies de serviços de assinatura, para fornecer os vídeos exclusivos aos seus patrocinadores.

Porém, tudo tem um preço, afinal, a plataforma acaba servindo como um portfólio dos criadores de conteúdo. E, recentemente, este preço no Vimeo acabou se tornando bastante salgado, de acordo com alguns de seus criadores.

Leia também!

Segundo o portal The Verge, este é o caso da artista holandesa Lois van Baarle, que pagava cerca de US$ 200 – pouco mais de R$ 1 mil – por ano para abrigar seus 117 vídeos no Vimeo, mas recebeu um comunicado afirmando que se quisesse continuar utilizando a plataforma deveria mudar para o plano que custa US$ 3,5 mil (cerca de R$ 17,9 mil) por ano.

A artista disse ainda que o Vimeo deu o prazo de uma semana para que ela aceitasse a nova proposta. “Eu nunca tive isso em que uma plataforma me estendeu a mão e disse: ‘Pague ou saia da nossa plataforma’, basicamente”, contou.

O caso também está acontecendo com diversos outros criadores de conteúdo do Patreon, que receberam mensagens informando que eles precisam atualizar o valor do pacote de serviço de hospedagem devido o consumo e quantidade de conteúdo.

O cálculo de uso do Vimeo é baseado em fatores como quantidade de reprodução de vídeo, resolução, carregamento do player e da imagem em miniatura, download e transmissão ao vivo. O site da plataforma diz que cobranças extras não são impostas a menos que uma conta atinja “níveis excepcionalmente altos”.

Logo do Vimeo
Criadores de conteúdo devem desembolsar mais dinheiro para hospedar vídeos no Vimeo. Imagem: Reprodução/Redes Sociais

O chefe de comunicações do Vimeo, Matt Anchin, disse ao The Verge que o objetivo da plataforma é “fornecer a melhor solução de vídeo possível e trabalhar com nossos usuários para que eles possam continuar alcançando seu público com alta qualidade”.

No entanto, está claro que o foco do Vimeo mudou e que a plataforma não é mais uma alternativa ao YouTube e que seu foco está no mundo corporativo. Em comunicado aos acionistas no ano passado, o CEO da plataforma, Anjali Sud, disse que o Vimeo é “uma plataforma de tecnologia, não um destino de visualização. Somos uma solução B2B, não a versão independente do YouTube”.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Criadores de conteúdo devem desembolsar mais dinheiro para hospedar vídeos no Vimeo apareceu primeiro em Olhar Digital.

Desenvolvido por Direto na Web